Please reload

Posts Recentes

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Em Destaque

Entenda como a conciliação bancária pode auxiliar no seu negócio.

 

Uma das melhores formas de evitar quaisquer surpresas financeiras ou contábeis no seu negócio é por meio da conciliação bancária. O processo consiste na comparação entre o extrato da conta bancária e o controle pré realizado da empresa, assim é possível identificar e aferir toda a movimentação financeira da empresa.

 

Para garantir a exatidão do saldo bancário é essencial um controle de fluxo de caixa eficiente. Apesar de ser uma atividade extremamente importante dentro de qualquer organização, principalmente para os setores contábil e financeiro, muitos empreendedores ainda abrem mão deste controle.

 

Com isso, correm o risco de perder o controle do capital disponível para o desenvolvimento de suas atividades diárias ou, ainda, para o cumprimento de obrigações.

 

Mas, afinal o que é conciliação bancária?

É a conferência dos extratos bancários e dos saldos de caixa com o controle financeiro da empresa. A partir dele é possível verificar se todos os lançamentos estão corretos e não há nenhuma anormalidade.

 

Além disso, saber que o saldo bancário está correto é importantíssimo para a análise do fluxo de caixa realizado com suas despesas e receitas, e as inferências com relação a redução de despesas. O saldo bancário correto também influência a verificação de caixa futuro para as atividades operacionais.

 

Pontos importantes

- Monitoramento dos fluxos de caixa nos extratos bancários;

- Confronto com informações internas e registros de pagamento e recebimentos;

- A correção de erros e informações não previstas;

- Monitoramento dos fluxos de caixa, é preciso estabelecer uma rotina diária;

- Se levar tempo para fazê-la a maior parte dos benefícios será perdida, assim como o histórico de algumas operações.

 

A classificação de todas as contas de movimentações bancárias devem ser bem ordenadas. Armazenar o documento base servirá bem para a organização.

 

Você deve monitorar os recebimentos de clientes; as tarifas bancárias; os impostos de transações bancárias, como o IOF (Imposto sobre Operações Financeiras); pagamento de salários, dentre muitos outros.

 

Tendo feito isso, basta confrontar todos os dados obtidos internamente, por meio de controle de caixa. Esse controle de caixa deve ser feito com os documentos obtidos na empresa, como contas a pagar e contas a receber. De posse da informação, confira se os detalhes do lançamento são compatíveis, verificando valores e datas de cada um dos registros.

 

Por fim, ao identificar quaisquer erros, corrija imediatamente, ou, se o problema for da própria instituição financeira, faça de forma breve a solicitação da compensação dos valores indevidos. Isso vai garantir um controle sempre organizado e sem pendências

 

Achou complicado ou ficou com dúvidas do processo? Fique tranquilo, a Par3 Gestão Integrada, é especialista em BPO Financeiro e está preparada para fazer toda a gestão financeira da sua empresa. Caso queria saber mais sobre o tema ou deseja uma consultoria financeira, entre em contato conosco.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook PAR3

© 2023 por par3gestaointegrada.com.

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon