Please reload

Posts Recentes

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Em Destaque

A importância da gestão do Custo da Mercadoria Vendida.

 

A gestão de uma empresa passa por muitos fatores e indicadores, sobre os quais é sempre preciso ter atenção, garantindo que tudo está correndo conforme o planejado. Entre esses indicadores existe um muito importante, que é o CMV: Custo de Mercadoria Vendida. Vamos falar um pouco sobre a importância dele para a gestão eficiente da sua empresa.

 

Este indicador é de extrema importância para empresas que utilizam diversos insumos pois é capaz de mostrar ao gestor se existe muito desperdício na produção, entre outros pontos relevantes.

 

Mas o que significa CMV?

 

A sigla significa Custo de Mercadoria Vendida. Na prática, podemos entender como a relação entre o valor de compra e o preço pelo qual você vende um produto. Ele nasce no momento em que você começa a criar as fichas técnicas para seu negócio, e considera não apenas a venda basicamente de um item, mas também todos os custos na produção, no transporte e no armazenamento.

 

Com essas informações você saberá quanto cada produto custa e então poderá calcular o valor de venda ideal para obter lucro. Monitorando o CMV com frequência, o gestor consegue analisar se os seus custos estão de acordo com o seu faturamento, evitando que seu negócio não dê lucro.

 

A fórmula para o cálculo é a seguinte:

CMV = inventário inicial + inventário comprado – inventário final

 

Vamos supor que você inicie o mês com R$ 5 mil de produtos no seu estoque. Você compra mais R$ 2mil e fecha o mês com R$ 4mil sobrando no estoque. O cálculo do CMV seria: 5000 + 2000 – 4000 = 3000.

 

Como você viu, é fundamental ter um bom controle e gestão do seu estoque para que o cálculo do CMV seja preciso.

 

Por que calcular o CMV é essencial para a gestão? Porque se esse índice for muito alto, pode indicar alguns problemas significativos como:

 

– Você está comprando mercadorias a um preço muito elevado;

– Existe muito desperdício na sua produção;

– Existe desvio de mercadorias no seu estoque;

- Ou algum gargalho que afete seu negócio.

 

Como saber se meu CMV está adequado?

 

Agora que você já entende a importância do CMV, pode estar se questionando “será que minha empresa está indo pelo caminho certo?” Essa resposta depende do setor em que sua empresa está inserida e qual região está localizada, pois existem algumas variáveis que podem influenciar no CMV. Uma pesquisa e troca de informações com empresas de sua região e/ou associações de classe é sempre bem-vinda a fim de validar alguns indicadores.

 

Um CMV muito baixo indica com certeza queda de qualidade da matéria-prima, enquanto um valor muito alto pode demonstrar desperdício, compras mal elaboradas, preço de compra muito acima do mercado, extravio de mercadoria, desvio no estoque, entre outras questões.

 

Achou complicado ou ficou com dúvidas do processo? Fique tranquilo, a Par3 Gestão Integrada, é especialista no setor financeira e está preparada para fazer toda a gestão financeira da sua empresa. Caso queria saber mais sobre o tema ou deseja uma consultoria, entre em contato conosco.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook PAR3

© 2023 por par3gestaointegrada.com.

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon